Trilha da Raiz e Rapel no Morro do Moreno - Vila Velha

No mês passado eu pude realizar um desejo que já tinha há tempo: Conhecer a Trilha da Raiz e fazer rapel no Morro do Moreno! Conheci o Gonzaga e a Rosi do Up-Rope Vertical e juntos programamos nossa ida até lá. Foi um Domingo incrível, onde vivi uma experiência única, fantástica e que eu conto agora pra vocês nessa matéria! Confiram!


Você já segue o Terra Capixaba no Instagram? Se sua resposta é não, comece a nos seguir AGORA! Fazemos sorteios mensais para nossos seguidores de diárias em pousadas, vouchers em restaurantes e muito mais! Lá nós somos + de 10,1 Mil apaixonados pelo ES, não fique de fora dessa!!!

Inclusive, estamos com um sorteio em andamento - 2 diárias no Sítio Toca do Leão + um voucher de R$100,00 em consumação no Lions Burguer! Participem lá!
 
O Morro do Moreno tem duas estradas que te levam ao topo: a estrada principal, com um nível de dificuldade pequeno - dá pra fazer tranquilo essa subida com crianças, por exemplo - e que dura em torno de 30 minutos, dependendo do seu ritmo. Já a outra forma de acesso é pela Trilha da Raiz, com um nível de dificuldade bem maior, pois nela caminhamos mata adentro e precisamos passar por alguns obstáculos e por fim, escalar uma pedra onde há uma raiz gigantesca de cipó - daí o nome da trilha.



A Trilha da Raiz começa exatamente ao lado direito do muro que fica no início da rua que dá acesso ao Morro do Moreno, bem na subida e logo à sua frente há uma placa sinalizando para a estrada principal (à frente) e a trilha (à direita). E antes de mais nada, é bom lhes avisar logo: Esse é um tipo de atividade que NÃO SE DEVE FAZER SOZINHO! Vá com alguém experiente e que conheça bem o lugar, pois há o risco de se perder por lá ou se machucar entre as pedras, ok?



Seguimos pela trilha com uma galera incrível, bem animada e cheia de disposição para encarar esse desafio, que exige um certo preparo físico - mas todos conseguiram chegar até o topo pra fazer o rapel! E vou falar uma coisa pra vocês: é um esforço que vale muito à pena, pois depois que escalamos a pedra onde está a raiz, seguimos numa trilha morro acima e a cada subida a mata fechada vai ficando pra trás, nos apresentando um cenário novo e belíssimo lá do alto - é fantástico!!!


Chegamos ao "Setor Barriga" (não confundir com o "Seu Barriga"), onde paramos pra tirar a Foto Oficial (claro, tinha que ter, né?) e a equipe preparou todos os equipamentos para fazermos o rapel. Ah, esse setor tem esse nome porque a pedra por onde descemos é igual a uma barriga mesmo.

Foto: Rosi Gonzaga (Up-Rope Vertical)

Antes de chegar a minha vez, aproveitei pra subir no topo da pedra pra contemplar a paisagem e gente, pensa numa vista incrivelmente linda? É a vista que se tem lá de cima! Praia da Costa, Ilha Rodrigues, Pedra do Sapo, Pedra da Sereia, Ilha Pituã, Ilhas Itatiaia, Convento da Penha, Terceira Ponte, Baía de Vitória, Parque da Fonte Grande, Pedra dos Dois Olhos, Penedo... olha só quantos pontos turísticos eu pude ver de lá!


E como foi o rapel? Antes de mais nada eu quero dizer a vocês que FOI MUITO MASSAVÉI!!! Foi minha primeira vez e tive uma experiência fantástica e extremamente positiva! Além disso, a equipe que nos acompanhou é muito competente e segue à risca as normas de segurança - o Gonzaga (instrutor) possui todas as qualificações necessárias para exercer a atividade e tem treinamento até de resgate em altura - ou seja, o Up-Rope Vertical é uma empresa extremamente profissional!


E quando chegou a hora... deu aquele medo tradicional, mas nada que me travasse, pois o instrutor nos transmite muita segurança e orienta corretamente como devemos proceder na descida. Se vocês não viram os Stories que eu postei, eles estão salvos no perfil, lá no Instagram. Deem uma olhada e quem sabe vocês vem na próxima conosco?

Foto: Rosi Gonzaga (Up-Rope Vertical)
Foto: Rosi Gonzaga (Up-Rope Vertical)
Foto: Rosi Gonzaga (Up-Rope Vertical)

E claro, muito obrigado a toda equipe do Up-Rop Vertical, foi show de bola ter feito esse rapel com vocês!

Como chegar:

O acesso é feito pela Rua Desembargador Augusto Botelho (rua de retorno para o centro de Vila Velha). Entre na João Joaquim da Mota e siga reto até o final. À direita, entre na Rua Xavantes e pronto, agora é só começar a subida!





E agora, um aviso MUITO IMPORTANTE: Tenham consciência ambiental e não poluam as praias com o seu lixo. Vamos juntos lutar pela preservação da natureza! O Terra Capixaba e o Meio Ambiente agradecem!

Mundi - Compare Preços de Passagens Areas e Hoteis

Pesquise Preços

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...